OFÍCIO Nº 171/2020/CGPNI/DEIDT/SVS/MS Brasília, 02 de abril de 2020

   Em 2020, o Ministério da Saúde antecipou em três semanas a realização da 22ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza pelo momento em que o mundo enfrenta no combate à COVID-19, a fim de proteger de forma antecipada a população contra a influenza, além de minimizar o impacto sobre os serviços de saúde, auxiliando na exclusão de diagnósticos em virtude dessa nova doença. (...) 
   Além dos grupos prioritários já definidos e em virtude da ocorrência da epidemia global pelo coronavírus, considerando o Decreto nº 10.282, de 20 de março de 2020, que regulamenta a lei nº 13.979, de 6 de fevereiro de 2020, artigo 3º, o qual determina que todas as medidas adotadas para o seu enfrentamento deverão resguardar o exercício e o funcionamento dos serviços públicos e atividades essenciais, definiu-se por incluir os caminhoneiros, motoristas de transporte coletivo e portuários como grupo prioritário para vacinação na segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação contra a influenza (Quadro 1). (...)

Veja em anexo o documento todo 

Data de publicação: 04/04/2020

Compartilhe!